ADEFAL envia nota de esclarecimento à imprensa sobre utilização do nome da Instituição como sobrenome político

Notícias | AUTOR: jade | DATA: 08/05/2019 às 16h24

O presidente da Associação dos Deficientes Físicos de Alagoas – ADEFAL, João Ferreira Lima, vem a público esclarecer que atendendo a orientação do Ministério Público Estadual e conforme o Artigo 3º Parágrafo único do Estatuto Social aprovado em janeiro de 2019. Fica vetada à utilização do nome da Associação, ainda que por sigla, sob qualquer pretexto, para qualquer fim político-partidário, seja em atividades ou no uso de registro eleitoral, constituindo qualquer das ações previstas neste artigo falta grave sujeita a exclusão de associados e destituição de dirigentes, sem prejuízo das devidas responsabilizações jurídicas.

Segundo João Ferreira mesmo reconhecendo a importância da política para os avanços no contexto das lutas sociais e de inclusão em defesa das diversas minorias, é preciso que a sociedade entenda que não é benéfico para as ongs, instituições e associações a utilização do seu nome como fins eleitorais e políticos.

            Diante deste entendimento é que a ADEFAL vem ao longo dos últimos anos solicitando de todos os candidatos e representantes políticos que utilizam o “sobrenome ADEFAL” que deixem de usar, pois a associação do nome político com o nome institucional vem gerando grandes prejuízos no que se refere à imagem das instituições.

            Diante do exposto pedimos aos representantes dos diversos órgãos da imprensa que ao tratar ou veicular matérias sobre qualquer um representante político que utilizem o “sobrenome ADEFAL”, por gentileza não utilizar o nome da Instituição.

RELACIONADAS

ADEFAL envia nota de esclarecimento à imprensa sobre utilização do nome da Instituição como sobrenome político
add

ADEFAL envia nota de esclarecimento à imprensa sobre utilização do nome da Instituição como sobrenome político

O presidente da Associação dos Deficientes Físicos de Alagoas – ADEFAL, João Ferreira Lima, vem a público esclarecer que atendendo a orientação do Ministério Público Estadual e conforme o Artigo 3º Parágrafo único do Estatuto Social aprovado em janeiro de 2019. Fica vetada à utilização do nome da Associação, ainda que por sigla, sob qualquer pretexto, para qualquer fim político-partidário.

FAÇA SUA INSCRIÇÃO